Terça-feira, 23 de Novembro de 2010

Marmota

A marmota é parecida com um esquilo, diferenciam-se pelo tamanho: a marmota é maior que o esquilo.

Vivem no hemisfério norte, em regiões montanhosas, onde o clima rigoroso não permite uma vegetação mais desenvolvida do que a erva dos prados alpinos, por isso, resta-lhes a erva, sendo herbívoras. Mas, também habitam numa grande parte da Europa.

 

São animais muito sociais e vivem em pequenas colónias ou em pequenas famílias.

 

 

O seu maior predador são as aves da rapina.

No início do inverno as marmotas forram as suas tocas com grama seca e tapam a entrada do túnel com feno e pedrinhas. Então cada membro da família enrosca-se e dorme até à primavera - hibernação -  a respiração é lenta, a temperatura do corpo cai a cerca de 7ºC e o coração bate somente três a quatro vezes por minuto. Mesmo com este ritmo de vida reduzido, desgasta as suas energias. Quando começa a hibernação as marmotas estão gordas, mas quando saem da toca na primavera estão magras e famintas.

 

Existem muitas espécies de marmota nas regiões frias do hemisfério Norte: a marmota-do-himalaia, a marmota-peluda, do noroeste da América do Norte, e o bobak são apenas algumas. Uma das mais conhecidas é a marmota-alpina, da Europa, famosa pelo seu grito silvado e pela sua disposição para brincar. No verão a marmota é muito activa. Alimenta-se de raízes e grama, e bebe raramente.

 

O tempo de gestação é de cerca de, 5 semanas. Nascendo de 2 a 7 filhotes.

Os filhotes nascem sem pêlo e cegos, e só deixam a toca após seis semanas de vida. Levam dois anos para chegar à idade adulta. Durante esse tempo a fêmea não tem novos filhotes.

 

publicado por Vida animal às 15:00
link do post | favorito
1 comentário:
De Fashion Addicted a 23 de Novembro de 2010 às 19:28
É um animal curioso :D


Comentar post